24 October 2014

Por Aqui :: Around Here
















Por aqui estamos todos bem, a crescer e a aproveitar os dias desta Primavera instável (um dia 20ºC, no dia a seguir 9ºC). Finalmente recebi o meu livro e não consigo descrever aquilo que senti quando peguei nele e o abri... felicidade, orgulho e algum alívio. Espero que gostem do resultado!

Gostava imenso que fossem partilhando imagens do livro e daquilo que fizerem com base nele. Publiquem as vossas fotografias na minha página no Facebook, no Pinterest e no Instagram, e usem o hashtag #livromaosaobra. Quem me dera poder estar em Portugal neste momento! 

Para a semana vou começar a mostrar os bastidores do livro — acho que tem sempre graça ver aquilo que está por trás, as histórias atrás dos projectos, os locais e até os acidentes.

Um bom fim-de-semana para vocês, seja ele de Outono ou de Primavera!


Around here we're all fit and well, and we're trying to make the most of this crazy Spring (one day it'll be 20ºC and the very next day only 9ºC). I finally received a copy of my book and I can't describe what I felt when I opened the package and actually touched the book with my hands... joy, pride and a  bit of relief. I hope you'll like it!

Next week I'm going to start sharing some peaks of what went on behind the scenes — I think it's fun to get to know the stories, places and even a few accidents that occurred along the way.

Enjoy your spring/autumn weekend!

(photos© Constança Cabral)

20 October 2014

Mãos à Obra!


"Este livro é sobre criatividade, gratificação e independência. 
Sobre saberes antigos adaptados à vida presente. 
Sobre descoberta e imaginação. 
Este livro é sobre coisas feitas à mão."

É assim que começa "Mãos à Obra!", o meu livro com a Marcador, que vai ser lançado amanhã em Portugal. Escrevo estas palavras com um aperto no estômago — sinto uma enorme alegria mas também uma boa dose de nervosismo. Um livro! Escrevi um livro!

Fui desafiada a escrevê-lo há dois anos e trabalhei nele com muito entusiasmo e afinco. Tentei ser criativa nos projectos, perfeita nos acabamentos e rigorosa nas explicações. A Marcador fez um excelente trabalho de design, paginação e revisão (escrevi o livro "à antiga" mas os textos foram todos revistos conforme o novo acordo ortográfico). As fotografias foram tiradas pelo Tiago e por mim em três países diferentes. Quando assinei o contrato, o Rodrigo era um bebé de colo e ei-lo agora, um rapazinho com quase 3 anos! Escrevi e fotografei parte do livro já com o Pedro na minha barriga, e revi provas nos intervalos das sestas. 

O blog foi o ponto de partida, mas o livro é muito mais do que o blog. Tem quase 50 projectos de costura, culinária, jardinagem e decoração e o tema subjacente é a casa. No capítulo introdutório fiz um apanhado das minhas opiniões e convicções a respeito deste estilo de vida que escolhi e estabeleci as bases para as diferentes matérias do livro. Há muito tempo que não escrevia tão intensamente — foi uma oportunidade óptima para repensar as minhas escolhas e tentar transmitir-vos aquilo em que acredito.

O livro está dividido em quatro partes: Primavera, Verão, Outono e Inverno. Já sabem que sou grande adepta de tirar o maior partido das estações do ano e fazer o possível por torná-las especiais. Ao tornar os nossos dias especiais, estamos a tornar a nossa vida especial. Não pretendo que nos tornemos todas meninas prendadas — longe disso! —; o meu objectivo é descomplicar estes assuntos e ajudar a desfazer o mito de que a criatividade é uma qualidade inata, que é concedida apenas a algumas pessoas.  

Quantas vezes ouvimos dizer "não tenho jeito de mãos" ou "não tenho imaginação"? Isso para mim não faz sentido. Nós somos capazes de tudo, desde que tenhamos muita curiosidade, bastante vontade, alguma paciência e um certo empenho. O importante é não ter medo de dar o primeiro passo.

Espero sinceramente que gostem do resultado. Ao longo deste processo tive sempre os leitores do blog muito presentes na minha cabeça. Se escrevi um livro, foi graças a vocês. E, por isso, o livro acaba assim:

"E a todos os leitores do meu blog, pelo interesse e entusiasmo com que têm vindo a acompanhar as minhas aventuras pelo mundo."

Obrigada!

[o livro vai estar à venda em livrarias e hipermercados de Portugal, e online aqui]



"This is a book about creativity, gratification and independence.
About time honoured practices carried through to modern times.
About discovery and imagination.
This is a book about making things by hand."


These are the first lines of "Mãos à Obra!" , my book with Marcador, which will be out tomorrow in Portugal. I'm writing these words with butterflies in my stomach — I feel tremendous joy but also a fair amount of nervousness. A book! I've written a book!

I was invited to write it two years ago and I worked on it long and hard, and with great enthusiasm. I  did my best to come up with creative projects, neat workmanship and clear instructions. The publisher did a great job in terms of design and edits. The photos were taken both by Tiago and myself, in three different countries. When I signed the contract Rodrigo was just a baby and look at him now, a little boy who's almost 3! I wrote and photographed the final part of the book with Pedro already inside me and  proofread it in between nap times.

This blog was the starting point for the book but the book is so much more than just the blog. The almost 50 projects cover topics like sewing, baking, preserving, gardening, flower arranging and decorating and they all revolve around the idea of home life. The first chapter lays the foundation for the various themes and I delve deep into my choices and opinions on the subject of home living, appreciating the simple things in life and, of course, making things by hand. I had not written in such an intensive way in a long time and it was a great opportunity for me to rethink my beliefs and share my thoughts with you.

The book is laid out in four main sections: spring, summer, autumn and winter. You already now I am passionate about making the most of what's in season and trying to make them feel special. By making our days special we are making our lives special. My aim isn't to make women feel like they've got to   become "accomplished ladies" — on the contrary, my goal with this book is to uncomplicate these subjects and to help dispel the myth that creativity is an innate skill that only graces certain people.

How many times have we heard things like "I'm not good with my hands" and "I have no imagination"? To me, that's nonsense. We can make everything we set our hearts into as long as we have lots of curiosity, a strong will, a bit of patience and a fair amount of commitment. What's important is to not being afraid of taking the first step.

I sincerely hope you'll enjoy this book. Throughout this process I've always had my blog readers in mind. If I've written a book it's because of you. And so the last sentence of the book is:

"To all my blog readers, for following my adventures around the world with so much interest and enthusiasm."

Thank you!

[the book is written in Portuguese but if you'd like to buy it and have it shipped internationally, you can do so here]

19 October 2014

Individual Montessori :: Montessori Placemat







De todos os métodos educativos, aquele com que me identifico mais é o Montessori. Fomentar a independência das crianças, fazê-las participar nas tarefas quotidianas, proporcionar-lhes autonomia e, consequentemente,  auto-estima, conferir-lhes liberdade dentro de parâmetros bem definidos... tudo isto faz muito sentido cá em casa. Não levo tudo à letra (até porque o meu conhecimento da filosofia Montessori é superficial), mas gosto de ir tirando ideias de alguns livros e blogs.

Um dos blogs de inspiração Montessori que leio há anos é o Sew Liberated. Quando começou, chamava-se Montessori By Hand e a Meg, a sua autora, era professora numa pequena comunidade rural no México. A Meg escreveu dois livros e gosto especialmente do segundo: Growing Up Sew Liberated. Já tenho o livro há muito tempo, mas só agora é que fiz o meu primeiro projecto — um individual para o Rodrigo. O Rodrigo adora participar em todas as actividades domésticas e diverte-se sempre muito a pôr a mesa. Agora vai ser ainda mais fácil!

Fiz algumas alterações ao modelo original:
- em vez de reverse appliqué, apliquei as formas em cima do linho;
- acrescentei uma faca (desenhada por mim);
- arredondei os cantos;
- não bordei os contornos das formas.

Foi a primeira vez que tentei fazer ponto cheio na máquina de costura (um zig-zag muito apertado) e o resultado não ficou muito perfeito... há que continuar a praticar. E não vão faltar oportunidades para isso, porque este individual ficou sujo no fim do primeiro almoço e vou ter de fazer mais dois ou três!

PS. Outro blog Montessori de que gosto muito: How We Montessori.


From all the teaching methods out there, Montessori is the one that speaks to me. Fostering children's independence, making them participate in everyday activities, providing them with autonomy and, therefore, self-esteem, granting them a good dose of freedom within clearly defined boundaries... all this makes a lot of sense in our home. I don't take everything literally (my knowledge of the Montessori philosophy is quite superficial) but I enjoy reading a few books and blogs on the subject.

One of the Montessori-inspired blogs that I follow is Sew Liberated. Back when it first started it was called Montessori By Hand and Meg, its author, was teaching in a small rural community in Mexico. Meg has written two books and I especially love the second one: Growing Up Sew Liberated. Even though I've owned a copy for years, my first project from it was only made last week — a placemat for Rodrigo. He loves taking part in all sorts of domestic jobs and always has a lot of fun setting the table. Now it's going to be even easier for him to do so!

I made a few alterations to Meg's original design:
- instead of doing reverse appliqué, I appliqued the templates to the linen background;
- I added a knife (I drafted it myself);
- I rounded the corners;
- I didn't embroider the shapes.

It was the first time I tried my hand at satin stitching in the machine and the results are a bit wonky... oh well, I guess I'll just have to keep practising. I'll actually have plenty of chances to do that because this placemat was so dirty after just one lunch, which means I'll have to make a couple more!

PS. Another Montessori blog I love: How We Montessori.

(photos© Constança Cabral)

10 October 2014

Manhãs Por Aqui :: Mornings Around Here













Em todas as casas com crianças pequenas as manhãs são complicadas de gerir, e nós não somos excepção. Bem, complicadas talvez seja uma palavra demasiado forte... para usar uma expressão francesa, digamos que não são evidentes. Sair da cama, vestir, comer, brincar, gerir birras e choros em uníssono, enfrentar intempéries, enfim. Naquelas alturas em que me sinto algo esmagada, lembro-me de que poderia ser muito pior (um dos meus lemas de vida, que me ajuda a relativizar quase tudo).

Mas, no meio da correria, há sempre momentos bons. Outro lema da minha vida: tentar dar maior importância aos aspectos positivos do que aos negativos. Graças ao telemóvel, tenho conseguido registar muitos desses momentos felizes e tranquilos. Sinto-me tão, mas tão abençoada por ter estes dois rapazinhos na minha vida.


In every household with small children mornings are a juggle and we are no exception to that. Getting out of bed, getting dressed, eating, playing, managing tantrums and unison crying, facing adverse weather conditions... oh well. When I'm feeling a bit overwhelmed I keep in mind that it could be so much worse (one of my life mottos).

However, amongst all the hustle and bustle there are always good moments. Another life motto of mine: trying to focus on the positive rather than getting carried away by the negative. Thanks to my phone I've been able to record many of those happy, tranquil moments. I feel so incredibly blessed to have these two little boys in my life.

(photos© Constança Cabral)

06 October 2014

Obrigada! :: Thank You!


Muito obrigada pela vossa reacção à notícia de que escrevi um livro! Estou cheia de vontade que ele saia e espero sinceramente que gostem do resultado. Fizeram-me várias perguntas a respeito do livro e vou tentar responder na medida do possível:

Qual é o tema do livro?
Sem querer estragar a surpresa, posso adiantar que o livro segue a linha do blog. É um livro de projectos à volta de tecidos, flores, culinária, decoração e um pouco de jardinagem. 

Onde poderei comprar um exemplar?
O livro vai estar disponível na maior parte das livrarias e hipermercados de Portugal. Se preferir comprar online, poderá fazê-lo em sites como wook.pt, fnac.pt, presenca.pt, bertrand.pt, etc.

E quem não vive em Portugal, como pode comprar um livro?
Tanto o Wook como a Fnac enviam para o estrangeiro.

Há planos para que o livro seja publicado noutros países/línguas?
Não faço ideia... se alguma editora estrangeira estiver interessada em comprar os direitos, então sim!

Vou estar em Portugal para o lançamento do livro?
Infelizmente não... Ainda não sabemos quando iremos a Portugal, talvez só daqui a um ano. Tenho imensa pena porque seria uma oportunidade gira para conhecer as pessoas que lêem o blog. Vou tentar compensar online!

O livro já está no prelo e espera-se que se encontre à venda em finais de Outubro.


Thank you so much for your kind reaction to my book news! I can't wait for it to come out and I really hope you'll enjoy it. I was asked a few questions about it and I'm going to try to answer them to the best of my ability:

What's the book about?
Without wanting to spoil the surprise, I can tell you that the book follows the main themes of my blog. It's a project book and it revolves around fabrics, flowers, baking and preserving, home decorating and also a bit of gardening.

Where can you buy a copy?
The book will be for sale at most bookshops and big supermarkets in Portugal. You'll also be able to buy it online at websites like wook.ptfnac.ptpresenca.ptbertrand.pt, etc.

Will the book be published in other countries/languages?
I have no idea at this point... if later on it happens to be picked up by a foreign publisher, then yes!

If you don't live in Portugal but still want to buy a copy, how can you do so?
Both Wook and Fnac will ship internationally.

Will I be in Portugal for the book launch?
Unfortunately not... We're not sure when we'll travel to Portugal again, maybe next year. It's such a shame because it would be a fun opportunity for a meet-up with blog readers. I'll try to make up for it online!

The book is being published right now and will hit bookshops in late October.

(photo© Constança Cabral)

02 October 2014

Está Quase! :: Coming Soon!




Tenho uma grande notícia para partilhar convosco!

Há dois anos fui desafiada a escrever um livro pelo editor da Marcador. Lembro-me da primeira conversa que tivemos via Skype: o João em Barcarena e eu em Staffordshire, com o Rodrigo bebé ao meu colo. Após tantos meses de trabalho intenso, o livro está quase a sair — está previsto para o fim do mês de Outubro! Escrevo neste blog há 8 anos e ter tido a oportunidade de publicar um livro é indescritível... estou mesmo contente.

Mal posso esperar por tê-lo nas minhas mãos e estou cheia de vontade de vos contar como foi o processo de escrever e fotografar tantos projectos novos. O livro vai estar à venda em todo o país e espero sinceramente que gostem do resultado!


I've got big news to share with you!

Two years ago I was invited by the editor of Marcador to write a book. I remember the first time we talked on Skype: João was in Portugal and I was in Staffordshire, sitting at my desk with baby Rodrigo on my lap. After so many months of intense work, the book is almost finished — it'll be out later this month! I've been writing this blog for 8 years and I can't tell you how happy I am to have had the chance to write a book.

I can't wait to actually touch it with my own hands and I want to tell you how the process of writing and photographing so many new projects went. The book will be in Portuguese and will be for sale all over Portugal... I really hope you'll like it!

(photos© Constança Cabral)

22 September 2014

Por Aqui :: Around Here












Chuva e sol, frio e calor — típico tempo de início de Primavera. Um bebé a crescer e um rapazinho que adora cozinhar. Algumas noites mal dormidas. O jardim a acordar. Projectos de costura que avançam muito lentamente. Muitos livros, muitos puzzles e alguns desenhos animados. Bolos e scones. O Rodrigo (novamente) doente em casa e eu sem saber muito bem como gerir o dia-a-dia. Estamos todos a precisar de apanhar ar! 

PS. Tenho andado a ouvir o podcast The Longest Shortest Time e estou a gostar imenso — é sobre os primeiros tempos de maternidade (e paternidade) e acho-o inteligente e bem produzido. Recomendo-o vivamente a toda a gente com bebés pequenos em casa!


Rain and sunshine, cold and warm — typical early spring weather. A baby that keeps on growing and a little boy who loves kitchen work. A few broken nights. A garden that's showing signs of life. Sewing projects that progress very slowly. Lots of books, lots of puzzles and some cartoons. Cakes and scones. Rodrigo was sick (again) and I struggled a bit. We're all in need of some fresh air!

PS. I've been listening to The Longest Shortest Time podcast and I'm really enjoying it — it's about the early days of parenthood and I find it intelligent and well-produced. If you're a new parent, I highly recommend it!

(photos© Constança Cabral)

16 September 2014

Auto-retratos :: Self-Portraits











Não sou grande fotógrafa, mas acho que tenho um olho razoável e um dia gostava imenso de me dedicar a sério a aprender fotografia. Até lá vou-me divertindo com a máquina do Tiago e com o telemóvel. Comprei um iPhone assim que chegámos à NZ e fico contente por poder registado momentos que, de outra forma, ficariam esquecidos para sempre. 

(Por vezes dou por mim a pensar como gostaria de ter podido fazer o mesmo durante os 3 anos em Inglaterra, e até mesmo em fases anteriores: o Inter-Rail pelo sul da Europa, o Erasmus em Paris, a faculdade, as viagens com as amigas, o namoro com o Tiago, a vida de recém-casada...)

Mas voltando às fotografias tiradas com o telemóvel — há uma aplicação que me diverte especialmente: o TimerCam. Conhecem-no? Não é mais do que um temporizador, mas permite 1- tirar auto-retratos em ângulos diferentes (sem ter de estender o braço); 2- apanhar momentos inesperados (especialmente com crianças, porque nunca sabemos o que vão fazer no segundo seguinte!).

Tenho um iPhone 4 e a câmara não é nada de especial, mas vai cumprindo as suas funções. Gosto imenso destas fotografias agora e sei que, um dia mais tarde, vou adorar rever estes vislumbres da nossa vida quotidiana.


I'm not a skilled photographer but I reckon I've got a reasonable eye and one day I'd love to dive deep into the world of photography. Until then I'll keep playing with Tiago's camera and my phone. I bought an iPhone as soon as we moved to NZ and I'm glad I've been able to register moments that would have otherwise been forgotten.

(Sometimes I find myself wishing that I could have done the same during those 3 years in England and even in other phases of my life: the Inter-Rail across southern Europe, the Erasmus in Paris, the university days, the trips I took with my friends, the first years with Tiago, life as a newly-wed...)

Anyway, back to iPhone photos — I've been having lots of fun with a particular app: TimerCam. Do you use it too? It's just a timer, but it enables you to 1- take self-portraits in all sorts of angles (thus making the whole "reach-out-your-arm selfie" totally unnecessary) and 2- catch unexpected moments (this is especially true when you're photographing children, as you never know what they'll do next!).

I've got an iPhone 4 and even though the camera isn't brilliant, it performs its function. I love these pictures now and I'm sure that, in a few years time, I'll treasure these snippets of our daily life.

(photos© Constança Cabral)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...